CCEE aponta avanço de 22% no mercado livre

Ambiente de Contratação Livre (ACL) - 17/11/2020

Prime Energy
Research

Os consumidores aumentaram 22% no mês de setembro, atingindo 8.247 agentes, em relação a 6.759 em 2019. A média de novas participações no Ambiente de Contratação Livre (ACL) chega a 150 ao mês, sendo o índice de setembro o maior desde 2016.

Já desconsiderados os agentes desligados, o aumento de consumidores livres foi de 10,2% e o de consumidores especiais atingiu 23,8%.

O mês de setembro alcançou 1.049 processos de migração, em sua maioria compostos por consumidores especiais. De acordo com a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), comparado ao mesmo período de 2019, o número de entradas ao mercado livre teve aumento de 44%.

O número de unidades consumidoras cresceu 31,2% em relação a setembro de 2019, atingindo 19.733 cargas de contrato no ACL.

No que tange a agentes da CCEE, isto é, consumidores, distribuidoras, comercializadoras, autoprodutoras e geradoras, 1.532 novos associados foram registrados desde janeiro deste ano. Destes, há uma proporção de 1.257 consumidores especiais para 92 consumidores livres. Os registros demonstram também a adesão de 52 comercializadoras, 124 produtoras independentes, seis autoprodutoras e, por fim, um novo gerador previsto para o serviço público.

Dentre os novos consumidores registrados no mês de setembro, o maior número de adesão (121) corresponde à carga de até 1MW, seguido por 24 cuja carga está entre 1MW e 1,99MW e, por fim, sete novos consumidores com carga superior a 2MW. A maior parte das adesões foi registrada pelo ramo de serviços.

Encerrado o mês de setembro, 25 novas habilitações para atuação foram concedidas a comercializadores varejistas. Vinte e oito outras solicitações seguem sob análise para mesma concessão.

WhatsApp