Notícias

Bandeira tarifária de setembro é amarela

A bandeira tarifária do mês de setembro é amarela, implicando em acréscimo de R$ 2,00 a cada 100 kWh consumidos. A melhora das condições hidrológicas nas regiões Sul e Sudeste implicou na saída da bandeira vermelha...


A bandeira tarifária do mês de setembro é amarela, implicando em acréscimo de R$ 2,00 a cada 100 kWh consumidos. A melhora das condições hidrológicas nas regiões Sul e Sudeste implicou na saída da bandeira vermelha. Segundo o relatório do Programa Mensal de Operação (PMO) do Operador Nacional do Sistema (ONS), o custo da energia na usina térmica mais cara em operação é de R$ 411,92/MWh.

 

As faixas de acionamento das bandeiras tarifárias são:

 

Bandeira tarifária verde

Custo Variável Unitário (CVU) menor do que R$ 211,28/MWh

 

Bandeira tarifária amarela

CVU entre R$ 211,28/MWh e R$ 422,56/MWh

 

Bandeira tarifária vermelha

Patamar 1: CVU entre R$ 422,56/MWh e R$ 610/MWh

Patamar 2: CVU superior a R$ 610/MWh

 

As bandeiras tarifárias implicam nos seguintes acréscimos no custo da energia:

 

Bandeira tarifária verde: condições favoráveis de geração

Bandeira tarifária amarela: R$ 2,00 a cada 100 kWh

Bandeira tarifária vermelha – Patamar 1: R$ 3,00 a cada 100 kWh

Bandeira tarifária vermelha – Patamar 2: R$ 3,50 a cada 100 kWh

 

O sistema de bandeiras tarifárias ajuda a sinalizar o real custo da energia gerada. Esse sistema incentiva os consumidores a utilizarem a energia de forma consciente, reagindo mês a mês à bandeira vigente.

Esses custos das bandeiras tarifárias não são custos adicionais. São, sim, uma forma diferente de apresentar valores que já estão na conta de energia, mas que, geralmente, passavam despercebidos.

 

Dicas de economia

 

Chuveiro elétrico

 

Tomar banhos mais curtos, de até cinco minutos

Selecionar a temperatura morna no verão

Verificar as potências no seu chuveiro e calcular o seu consumo

 

Ar condicionado

 

Não deixar portas e janelas abertas em ambientes com ar condicionado

Manter os filtros limpos

Diminuir ao máximo o tempo de utilização do aparelho de ar condicionado

Colocar cortinas nas janelas que recebem sol direto

 

Geladeira

 

Só deixar a porta da geladeira aberta o tempo que for necessário

Regular a temperatura interna de acordo com o manual de instruções

Nunca colocar alimentos quentes dentro da geladeira

Deixar espaço para ventilação na parte de trás da geladeira e não utilizá-la para secar panos

Não forrar as prateleiras

Descongelar a geladeira e verificar as borrachas de vedação regularmente

 

Iluminação

 

Utilizar iluminação natural ou lâmpadas econômicas e apagar a luz ao sair de um cômodo; pintar o ambiente com cores claras

 

Ferro de passar

 

Juntar roupas para passar de uma só vez

Separar as roupas por tipo e começar por aquelas que exigem menor temperatura

Nunca deixe o ferro ligado enquanto faz outra coisa

 

Aparelhos em stand-by

 

Retirar os aparelhos da tomada quando possível ou durante longas ausências

Confira aqui mais dicas de economia de energia


Tags: Energia ONS Taxa Extra das Bandeiras Tarifárias

Compartilhe essa notícia:
Fale Conosco
São Paulo
  • Alameda Santos, 1.940 – Conj. 22
    Cerqueira César - São Paulo – SP – CEP 01418-102
  • Tel.: +55 11 4564-4600 / +55 11 2730-6370
  • contato@primeenergy.com.br
  • Segunda a sexta-feira: das 9h às 18h
Londrina
  • Avenida Higienópolis, 1601, sala 1105
    Jardim Higienópolis - Londrina – PR – CEP 86015-010
  • Tel.: +55 43 3037-6660
  • contato@primeenergy.com.br
  • Segunda a sexta-feira: das 9h às 18h
Fortaleza
  • Rua Dr. Gilberto Studart, 55 – Sala 314 T1
    Cocó - Fortaleza – CE – CEP 60192-105
  • Tel.: +55 85 2180-5080
  • contato@primeenergy.com.br
  • Segunda a sexta-feira: das 9h às 18h

Prime Energy
Alameda Santos, 1.940 – Conj. 22 - Cerqueira César, São Paulo - SP, 01418-102, Brasil
-23.5604012
-46.659493
Telefone: +55 11 4564-4600
Telefone: +55 11 2730-6370
contato@primeenergy.com.br