Notícias

Grande aumento de tarifas leva empresas para o mercado livre de energia

Graças aos progressivos aumentos nas tarifas de energia, o Ambiente de Livre Contratação (ACL) passa a ser uma alternativa que atrai diversos segmentos da indústria que buscam aumento de competitividade...


Graças aos progressivos aumentos nas tarifas de energia, o Ambiente de Livre Contratação (ACL) passa a ser uma alternativa que atrai diversos segmentos da indústria que buscam aumento de competitividade. No ACL, os consumidores têm maior controle do consumo, e esse modelo pode alavancar uso de fontes renováveis.

As tarifas de energia do País acumulam um grande aumento desde 2014, chegando a 44% ao final de 2018, segundo a Associação Brasileira de Grandes Consumidores Industriais de Energia e de Consumidores Livres (Abrace). Fugindo da inflação, as empresas recorrem ao ACL, que permite contratos de fornecimento de longo prazo por um preço fixo. O momento ideal para essa migração é quando o preço de referência do mercado livre está baixo e a tarifa do mercado regulado está alta.

A empresa Embalagens Industriais Adesi Coating está no mercado livre de energia desde 2016 e já contabiliza uma redução de gastos com energia de cerca de 50%. A principal economia está em deixar de pagar o horário de ponta. Essa diferença nos custos deixou livre capital para investir em eficiência energética, o que acaba ampliando a economia.

Outro case de sucesso é a Minasa Trading International, que está no mercado livre desde 2010 e registrou economia média de 16% com energia em 2017. “Somos uma indústria do setor têxtil, um segmento muito difícil, com margens muito espremidas. O foco com a migração era a redução de custos e melhora na competitividade”, afirma o supervisor financeiro da Minasa, Heitor Romero. Com recentes iniciativas de eficiência energética, a empresa espera economia de 20% a 30%.

Além do ganho financeiro, o ACL permite também que o comprador escolha o tipo de fonte energética. Assim, as empresas podem optar por favorecer a geração renovável, como eólica ou solar, e ganhar uma certificação de energia verde, o que se se torna um incentivo para esse tipo de geração. No mercado cativo, você não tem essa possibilidade.


Tags: Abrace Ambiente de Contratação Livre (ACL) Consumidores Livres Eficiência Energétrica Fontes Renováveis

Compartilhe essa notícia:
Fale Conosco
São Paulo
  • Alameda Santos, 1.940 – Conj. 22
    Cerqueira César - São Paulo – SP – CEP 01418-102
  • Tel.: +55 11 4564-4600 / +55 11 2730-6370
  • contato@primeenergy.com.br
  • Segunda a sexta-feira: das 9h às 18h
Londrina
  • Avenida Higienópolis, 1601, sala 1105
    Jardim Higienópolis - Londrina – PR – CEP 86015-010
  • Tel.: +55 43 3037-6660
  • contato@primeenergy.com.br
  • Segunda a sexta-feira: das 9h às 18h
Fortaleza
  • Rua Dr. Gilberto Studart, 55 – Sala 314 T1
    Cocó - Fortaleza – CE – CEP 60192-105
  • Tel.: +55 85 2180-5080
  • contato@primeenergy.com.br
  • Segunda a sexta-feira: das 9h às 18h

Prime Energy
Alameda Santos, 1.940 – Conj. 22 - Cerqueira César, São Paulo - SP, 01418-102, Brasil
-23.5604012
-46.659493
Telefone: +55 11 4564-4600
Telefone: +55 11 2730-6370
contato@primeenergy.com.br